Estou feliz

O leite subiu em toda parte. Os tomates são gostosos em Porto Alegre. E dá pra comer carne nos self-services.

Estou feliz. Mas sinto vontade de viajar pra fora de mim, pra fora de tudo.

O cotidiano é uma coisa assustadora. Sair dele também. Tudo é assutador: desde acordar até dormir. Existir. Quem nos botou neste mundo, obrigado, mas como é mesmo que se vive? Por que o bom e o ruim está em tudo? Por que às vezes não entendemos algo de que gostamos?

Mas estou feliz.

Advertisements

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out /  Change )

Google photo

You are commenting using your Google account. Log Out /  Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out /  Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out /  Change )

Connecting to %s