O PT e o fogo do inferno

Uma coisa é não defender nenhum partido político, não ser de esquerda nem de direita. Outra completamente diferente é calar-se diante da corrupção e da imoralidade de um ou vários partidos, ESPECÍFICOS SIM. É obrigação de qualquer pessoa defender a liberdade e a vida humana (amar aos outros) – e, acima de tudo, a dignidade, a moral (amar a Deus), porque os valores e o caráter são, grosso modo, TUDO o que vai restar de nós depois desta vida aqui.

Então vou dizer a coisa de forma bem direta: quem não combate o PT (por exemplo) aumenta em muito as suas chances de mergulhar no fogo do inferno.

Deu pra entender?

Advertisements