Com o amor da Henriqueta

Amor, meu grande Amor! Hoje é mais teu dia que os outros dias, mas só um pouco mais. Para quem acorda todo dia ao teu lado, o que são vinte e quatro horas diante da fortuna de saber que a vida inteira é um enorme dia de sol com aquele toque de frio que nos deixa com vontade de vestir um agasalho e abraçar com força a pessoa mais querida deste mundo? E para sempre!
Mesmo assim, é hoje o teu dia de nascimento. Foi hoje que, naquele dia, tua mãe te concebeu e eu, sem saber, fui feliz para sempre! Há que comemorar-se algo assim, não achas? e agradecer a ti, e agradecer a Deus.
Tamanho agradecimento, porém, não se faz com palavras, mas com o coração. Então, faz o seguinte. Imagina meu coração, imagina-me por dentro, bem dentro, metafisicamente dentro; e põe ali um enorme “obrigado” – e ele é teu.
Com amor, completamente,
Evandro

Advertisements